O que é Musicoterapia e quais são seus benefícios?

Musicoterapia é uma ciência e só pode ser realizada por um profissional especializado, o musicoterapeuta.

Somente o musicoterapeuta saberá utilizar a música e os seus elementos, de forma adequada e ética, para alcance dos objetivos terapêuticos.

O que é musicoterapia?

A música, como expressão corporal, possibilita a mobilização do fluxo energético estagnado, liberando assim sensações, emoções, pensamentos, ideias e valores. Isso ajuda a quebrar as barreiras.

A musicoterapia engaja o indivíduo em experiências sonoro-musico-corporal-vocal que tem por objetivo, mobilizar, liberar, expressar, reconhecer, elaborar, reestruturar e modificar os conteúdos internos, transformando-os em outras formas de expressão.

Com a musicoterapia,a musicalidade do corpo estão presentes como fenômenos sonoros das vocalizações e do ritmo do próprio corpo parabusca da pulsação saudável do indivíduo em seu movimento interno orgânico, psíquico e no comportamento.

De acordo com Lorenzetti, a musicoterapia é um conjunto de técnicas e exercícios utilizados pelos profissionais da área para distribuir o fluxo energético, carregando ou descarregando a energia do indivíduo, conforme a necessidade do mesmo, possibilitando-o a entrar em contato consigo e liberar a auto-expressão e o fluxo de sentimentos do próprio corpo.

Como funciona a musicoterapia?

O musicoterapeuta, ao utilizar a música como um canal de acesso às emoções das pessoas, causa sensações e impressões desejadas pelo terapeuta, pois mobiliza movimentações psíquicas e orgânicas, movimentando assim corpo e psique.

As sessões de musicoterapia são essenciais para a manutenção da saúde, liberando as tensões e preocupações das pessoas.

Com a música e sons, as tensões podem-se expressar de diversas formas, chegando por vezes a sair até de modo explosivo, proporcionando situações de catarse e compreensão.

 

O corpo responde à “chamada” da música de forma sensorial, hormonal, fisiomotora e psicológica, não existindo contudo dissociação de qualquer destas componentes isoladas.

Esse é um dos grandes benefícios da musicoterapia.

Quais são os benefícios da musicoterapia?

A música funciona como facilitadora de relacionamentos, sendo um meio de comunicação capaz de conectar as pessoas nos níveis físico, fisiológico e mental.

Para tratamento de indivíduos portadores de deficiências, é possível dizer que a música ativa a comunicação, memória e as capacidades motoras. Além disso, apresenta uma elevada importância em processos de (re)educação.

A música funciona como um elemento alterador e “desviante” do silêncio em que as pessoas se confinam por causa de patologias.

Onde o atendimento da musicoterapia é feita?

A musicoterapia é praticada em escolas, hospitais, lar de idosos e atende centros com pessoas com necessidades especiais.

Vale ressaltar que a musicoterapiatambém pode ser aplicado: para mulheres grávidas, crianças, pessoas tímidas e empresas sobrecarregadas de trabalho.

Segundo o musicoterapeuta Marcelo, em entrevista para o portal Fato e Notícia, os musicoterapeutas “oferecem sessões particulares e atendimentos em clínicas, hospitais psiquiátricos, instalações de reabilitação, centros de idosos, escolas, entre outros locais”.